1. Navegue Abaixo

21/02/2018

Homem é preso exercendo ilegalmente a profissão de cirurgião-dentista em Ibotirama

Homem é preso exercendo ilegalmente a profissão de cirurgião-dentista em Ibotirama

Hoje (21/2), o Conselho Regional de Odontologia da Bahia (CRO-BA) em parceria com a Policia Militar, conduziu em flagrante, Carlos Pereira da Silva, mais conhecido como “Dr. Carlão”, 57 anos, exercendo ilegalmente a profissão de cirurgião-dentista no município de Ibotirama, realizando obturação e prótese dentária e cobrava entre R$ 60,00 a R$ 100,00 reais pelos serviços. Durante a abordagem, a PM encontrou no recinto, um revólver calibre 38 municiado. O falso dentista foi conduzido para delegacia onde foi preso em flagrante por não ter porte de arma e também vai responder pelo exercício ilegal da profissão, cuja pena varia de seis meses a dois anos.

Para o Presidente da Comissão de Fiscalização do CRO-BA, Dr. Carlos Dourado, “quem incorre em crime que coloca em risco a saúde da população deve sofrer penalidade maior a que ora se atribui a prática do exercício ilegal”. Segundo Dr. Carlos Dourado, a classe odontológica aguarda a aprovação do projeto de lei 3063/08 que, em seu texto original, agrava a pena de reclusão de 2 a 6 anos e multa, punindo com efetividade aquele que exercer ilegalmente a profissão de cirurgião-dentista.